10 Razões para não fazer greve


       Mais uma vez o magistério gaúcho utilizou da greve como um artifício para receber a atenção do governo. Isso me fez pensar como é possível alguns fazerem greve e outros não. Quem opta pela greve tem seus motivos, sua pauta de reivindicações, mas e quem não faz, quais são suas razões para isso? Talvez tenha chegado a algumas conclusões...Aqui vão elas:

10 RAZÕES PARA NÃO FAZER GREVE
1°- NÃO HÁ MOTIVO PARA ISSO!!! Afinal, os educadores estão entre os profissionais mais valorizados deste país, tanto por parte da sociedade como, principalmente, do governo;
2°- Os educadores já estão acostumados a carregarem o fardo de serem responsáveis pelo crescimento econômico do país, diminuir o consumo de drogas, qualificar os jovens para o mercado de trabalho, “educarem” os filhos dos pais que não têm tempo para isso, assim, não podem desperdiçar seu tempo com “coisas pequenas”, como lutar por seus direitos;
3°- Não é necessário mostrar para seus alunos, na prática, como é que se luta por seus direitos, já que professor trabalha somente com teoria;
4°- Já existe um conjunto de leis que garantem diversas vantagens para os educadores, assim não é necessário ficar lembrando que elas são resultado da luta de diversas pessoas ao longo do tempo, sendo que, inclusive, algumas, literalmente, deram suas vidas para que tivéssemos esta série de direitos;
5°- As escolas do RS são as melhores do país em infraestrutura, oferecendo a todos, professores e alunos, todos os subsídios necessários para desenvolver o trabalho que coloca a educação pública do nosso estado num patamar muito mais alto que do ensino privado;
6°- A proposta de reformulação do Ensino Médio vai fazer com que esta etapa da educação fique ainda mais qualificada, garantindo a todos alunos da rede pública a certeza de conseguirem suas vagas tão sonhadas nas Universidades Públicas;
7°- No RS, a implantação do Piso Nacional dos Professores só vai trazer prejuízo financeiro a estes profissionais, já que seu salário básico já é bem superior a R$ 1187,00;
8°- Fazer greve nesta altura do ano só prejudicaria a preparação para as férias, afinal como desmarcar as reservas de hotel e remarcar as viagens para o nordeste e a Europa (realidade muito comum para os professores do RS!!) um mês antes de entrar em férias;
9°- Fazer passeatas, piquetes, assembléias, manifestos é coisa de baderneiro!! Um bom professor fica de braços cruzados esperando que os bons governos que passam por nosso Estado ponham em prática as promessas e as leis que definem a educação como uma prioridade;
10°- Enfim, fazer greve é coisa para louco, afinal não há outra explicação para alguém ter seu ponto cortado, ficar defendendo seus colegas que não vão fazer greve e, mesmo assim, lá no final garantir a todos que não fizeram nada as mesmas vantagens conseguidas em função do movimento grevista.
É, realmente existem muitas razões para continuar dando aula sem reclamar...

Ass. Prof. Jorge Pittan (Um louco grevista!!)

Comentários

Postagens mais visitadas